Comentários e opiniões sobre a actualidade nacional e internacional, económica e não só.
Segunda-feira, 11 de Junho de 2007
10 de Junho, Eleições na Europa e "arrastão"
Comemorou-se mais um 10 de Junho com os discursos apropriados à questão e o pedido do PR para que as reformas necessárias, por muito que doam a dogmáticos extremistas continuem por ser um caso de sobrevivência nacional.

Em França os franceses percebem o mesmo e dão maioria a um partido que quer uma Europa forte, talvez mesmo federal e que quer romper com o grande país europeu que sempre viu o Estado como o  "pai para todas as ocasiões" mas percebe que tal não é aconselhável nem, possível no séc, XXI.

As extremas têm derrotas esmagadoras (França) ou na melhor das hipóteses mantêm a votação devido a características específicas do país (Bélgica).

E por cá ... voltou a não haver "arrastão". Lembram-se do "arrastão" ? Uma síntese do ridículo da questão para quem não se recorde:

. 10 de Junho de 2005. Uma praia de Carcavelos cheia com muitos jovens africanos, imigrantes e portugueses, confusão e parvoíces naturais de alguns deles com queixa de um imigrante de um país de leste que o queriam roubar ou teriam roubado. Como disse a PSP posteriormente, nada de diferente da confusão do costume, havendo no entanto mais africanos que normalmente naquela praia. Tal levou a receios de alguns, alguém chama as autoridades, a PSP chega e move-se, todos fogem, criado o "arrastão".

. Comunicação Social chega, os três canais portugueses entrevistam todos as mesmas duas testemunhas que falam em "arrastão" mas que nos jornais da semana seguinte desmentem o testemunho com desculpas mais ou menos esfarrapadas.

. Ideólogos do racismo e xenofobia rejubilam. Era a "prova de que tinhamos razão".  Diziam eles que o arrastão existiu, foi planeado e incluiu cerca de 400 a 500 "criminosos" de cor. Diziam que o "arrastão" era o primeiro de muitos que se seguiriam. E outras pérolas semelhantes.

Na sequência deste não-evento organizaram uma manif anti-imigrantes que conseguiu o recorde de 400 pessoas (todas as outras andam entre os 100 e os 200) com os crentes no "arrastão" embora muitos deles nem a praia de Carcavelos conhecessem.

E o que aconteceu afinal ?

. Como apareceu na comunicação social na altura, era práticamente impossível FÍSICAMENTE uma marcha organizada de 400 ou 500 "criminosos" naquela praia, mesmo 200 ou 300 não era fácil. Ainda mais com os resultados obtidos em termos de "criminalidade" , agressões e mesmo contacto físico mesmo que involuntário do "arrastão". Os resultados do mesmo foram ZERO.

. Os "feridos" existentes foram 2 ou 3 ligeirissimos e em consequencia da corrida a fugir da confusão que se gerou com o avançar da PSP.

. Com tanta PSP presente estranho que não houve queixas de agressões ou roubos. Nem uma toalha desapareceu, nem carteiras, chaves de automóvel com ou sem o próprio automóvel, nada. E isto com todos os possíveis "roubados" com tantas camaras de TV para mostrarem a sua indignação contra o "arrastão"

Para uma acção "planeada", com "centenas" de "criminosos", etc., etc., ou os "criminosos" eram muito incompetentes ou os únicos arrastões que se movimentavam no 10 de Junho de 2005 movimentavam-se ... no mar.

No 10 de Junho então comemoramos tudo o que merece ser comemorado, e rimo-nos do que nem devia ter sido notícia em 2005. Nada mais.






publicado por HomoEconomicus às 10:48
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

A bofetada de luva branca...

Por cá e por lá depois da...

A verdade dos factos

Facilitismos

O Tratado de Lisboa. O Te...

Racismos, xenofobias e ou...

Os combustíveis e a demag...

O Estado da Economia

Por cá e por lá, felizmen...

Justiça Desportiva

arquivos

Novembro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds